X

Enciclopédia do aparelho digestivo

D > Doença do Refluxo Gastroesofágico
Especialidade: Gastroenterologia

O que é a doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) ?

A doença do refluxo gastroesofágico é uma sensação de queimação ou calor no peito ou garganta quando ácidos do seu estômago voltam para o esôfago.

O esôfago é um tubo que leva os alimentos da garganta para o estômago.

Este movimento de "volta" do ácido do estômago para o esôfago é chamado de refluxo. O ácido pode queimar e irritar o esôfago, garganta e cordas vocais. Como o esôfago não tem o revestimento protetor que o estômago tem, o ácido causa irritação e dor no local.

Todo mundo tem refluxo de vez em quando. Isso geralmente acontece depois de comer, especialmente depois de comer e se curvar logo após. Porem se você tem refluxo muitas vezes ao dia e várias vezes por semana, você pode ter o diagnóstico de doença do refluxo gastroesofágico (DRGE).

É importante começar o tratamento para a DRGE, pois sem tratamento, pode haver dano do revestimento do esôfago e inflamação do local (esofagite por refluxo). Esta inflamação pode ser leve ou até intensa, e em alguns casos até levar a sangramento ou formação de úlceras. A cicatrização destas úlceras pode formar um estreitamento do esôfago (estenose), que torna difícil a passagem do alimento pelo local.

Algumas pessoas com DRGE desenvolvem o "Esôfago de Barret", que é uma mudança no revestimento interno do esôfago. Existe um pequeno risco de que o "Esôfago de Barrett" se torne câncer.

A Doença do Refluxo Gastroesofágico pode, às vezes, provocar asma ou tosse. Se você tem asma ou tosse, a prevenção ou controle do refluxo pode ajudar a controlar os sintomas da asma.

Qual é a causa da doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) ?

Existe um anel de músculo em torno da extremidade inferior do esôfago. Este anel, chamado de esfíncter esofágico inferior (EEI), se abre e permite que a comida vá para o seu estômago. Normalmente, ele fecha e impede o conteúdo estomacal de voltar para o esôfago. Se o esfíncter é fraco ou relaxado demais, ou abre e fecha com muita freqüência, o ácido do estômago e alimentos pode fluir de volta para o esôfago.

O esfíncter esofágico inferior (EEI), por ficar ocasionalmente prejudicado e não funcionar corretamente se:

  • Você está acima do peso.
  • Você tem uma hérnia de hiato
  • Você come muito rápido ou em grande quantidade.
  • Você se deita logo depois de comer.

  • Você usa roupas apertadas que apertam seu estômago.
  • Você está grávida. A DRGE é muito comum durante os últimos meses de gravidez. O peso do bebê empurra o estômago e pode abrir o esfíncter e permitindo o refluxo de ácido para o esôfago.

Alimentos que causam relaxamento do esfíncter esofágico inferior e eventualmente podem causar refluxo são:

  • alimentos ricos em gordura
  • chocolate
  • mentolados e aromas de hortelã
  • alimentos à base de tomate
  • alimentos picantes
  • bebidas com cafeína, como café e chá
  • bebidas gaseificadas, como refrigerantes
  • álcool

O refluxo também pode ser agravado por:

  • deitar logo depois de comer
  • uso de certos medicamentos, como a aspirina ou anti-inflamatórios (ex: diclofenaco)
  • fumar
  • tomar medicamentos com pouca água, fazendo com que o comprimido fique preso no esôfago

Quais são os sintomas?

  • dor em queimação ou calor, no peito ou garganta, geralmente na parte inferior do peito (principal sintoma)
  • retorno de liquido "azedo" ou alimento, principalmente após alimentação
  • tosse seca inexplicável
  • chiado, falta de ar e aperto no peito (sintomas que são semelhantes aos sintomas da asma)
  • rouquidão
  • pigarro

Como é feito o diagnóstico?

Seu médico irá perguntar sobre seus sintomas. Dependendo de seus sintomas, você pode ter que fazer algum exame. Os seguintes exames são feitos para verificar úlceras ou outros problemas que podem causar os seus sintomas:

Como é tratada?

O objetivo do tratamento é controlar o refluxo e ter menos sintomas. O seu médico pode recomendar algumas mudanças de estilo de vida e medicamentos.

Se você tem DRGE, medicamentos que diminuem o ácido do estômago podem ajudar. Medicamentos para a DRGE podem ser tomados uma vez ou duas vezes por dia, ou somente quando necessário. Pergunte ao seu médico quantas vezes você tem que tomar.

Se você estiver em uso destes medicamentos por um longo período de tempo, o seu médico pode tentar reduzir a dose para ver se ele ainda controla seus sintomas. Em alguns casos, quando a medicação não ajuda, a cirurgia pode ser necessária.

Como posso me cuidar e ajudar a evitar o refluxo?

  • Siga seu plano de tratamento médico. Siga cuidadosamente as instruções do seu médico para tomar seus medicamentos. Pergunte ao seu médico o que você deve fazer se o seu tratamento não está ajudando ou seus sintomas piorarem. Mantenha suas consultas de seguimento com o seu médico.
  • Tomar antiácidos após as refeições e antes de dormir, de acordo com a recomendação do seu médico.
  • Tomar medicamentos com bastante líquido. Engolir medicamentos sem líquido suficiente pode provocar irritação no esôfago.
  • Tente não colocar muita pressão sobre o músculo do esfíncter. Comer refeições menores, mais freqüentes e usar roupas mais soltas em torno de sua barriga.
  • Se você achar que certos alimentos ou bebidas parecem causar os seus sintomas ou torná-los pior, evite estes alimentos.
  • Perder peso se você está acima do peso. O peso extra coloca pressão no seu estômago. Isto pode empurrar o conteúdo estomacal para cima em seu esôfago.
  • Evite atividade vigorosa após as refeições.
  • Sente-se durante as refeições, e espere pelo menos uma hora depois de comer antes de se deitar. É melhor não comer por 2 a 3 horas antes de ir para a cama.
  • Se o refluxo incomoda o seu sono, levante a cabeceira de sua cama de 6 a 8 centímetros colocando armação em blocos de madeira. Se você não pode levantar a estrutura da cama, tente colocar uma cunha de espuma sob a cabeça do seu colchão (almofada anti-refluxo). Usar simplesmente travesseiros extras não irá ajudar.
  • Não fume. Fumar pode aumentar o ácido do estômago. O ar que você engole enquanto fuma também pode aumentar a pressão na sua barriga. Fumar também aumenta o risco de câncer do esôfago e estômago.
  • Fazer coisas para ajudar o seu humor e emoções. Se você começar a sentir-se deprimido ou ansioso, converse com seu médico sobre seus sentimentos.