X

Enciclopédia do aparelho digestivo

D > Dispepsia
Especialidade: Gastroenterologia

O que é a Dispepsia?

Dispepsia, também chamada dor de estômago ou epigastralgia, é um desconforto ou sensação de queimação na parte superior do abdome. Além da dor você pode ter náuseas, inchaço e arroto. Dispepsia é comum em adultos, mas raramente é um problema sério de saúde.

Qual é a causa?

Normalmente a dispepsia acontece por problemas ao se alimentar como, comer demais ou muito rápido. Também tem relação com o estado emocional, como se você estiver se sentindo estressado ou muito cansado. Alguns medicamentos, alimentos ou álcool podem causar dispepsia ou torná-la pior. E, raramente, dispepsia é causada por uma infecção ou outra doença.

Como é tratada?

Aqui estão algumas maneiras que podem ajudar você a não ter dispepsia:

  • Evite os alimentos e bebidas que parecem incomodar o seu estômago. Alimentos e bebidas que são mais propensos a causar indigestão são alimentos ricos em gordura, picante, vinho, refrigerantes, bebidas com cafeína, mentolados.
  • Evite aspirina e outros antiinflamatórios não-esteróides (AINEs), como o diclofenaco, porque eles podem prejudicar o seu estômago. Se você precisa tomar estes medicamentos para alívio da dor, tome-os com alimentos, pode ajudar. Analgésico simples como paracetamol e a dipirona não prejudicam o estômago.
  • Não fumar, especialmente antes de comer.
  • Não curvar-se com o estômago cheio.
  • Evite roupas com cintura apertada.
  • Tente evitar situações estressantes antes ou durante as refeições.
  • Permitir tempo suficiente para comer, assim você pode mastigar a comida com cuidado e não se sentir apressado.

Evitar

Se você tem dispepsia quase todos os dias, durante 2 semanas, consulte o seu médico. Você pode precisar de exames médicos para ver se há outra causa para o problema. Se nenhuma causa grave, como uma úlcera, for encontrada, o seu médico pode recomendar mudanças de dieta ou medicamentos para ajudar.

Quando devo marcar consulta com o meu médico?

  • Você começa a ter dispepsia com mais freqüência.
  • Você tem uma dor de estômago que é constante ou continua voltando.
  • Você tem uma perda inesperada de peso.
  • Você está vomitando vômito escuro ou com sangue
  • Você tem evacuações escuras ou com sangue.